Benjoim 100g
Benjoim 100g
×
Benjoim 100g
×
Benjoim 100g
Benjoim 100g
Benjoim 100g
Benjoim 100g
R$ 35,00
Adicionar ao Carrinho
O benjoeiro (Styrax benzoin) é uma árvore decídua nativa da Sumatra, cultivada também em Java, Camboja, Vietnã, China e Tailândia. O benjoim é uma das muitas especiarias que foi muito apreciada na Europa e por isso comercializada pelos portugueses. É uma árvore de grande porte, que pode chegar a 35 metros de altura.

O benjoim ou óleo de benjoim é nome dado à resina procedente da goma extraída da casca da árvore através de incisão, esta resina é depois misturada com álcool da própria madeira sendo usada como fixador de perfumes, até os dias de hoje.

O benjoim é empregado em vários produtos como incenso, tradicionalmente usado como defumador e o conhecido "Balsamo do monge", uma tintura indicada para problemas respiratórios. As sementes da árvore são usadas artesanalmente como contas de rosário.

O Benjoim é usado para proteção espiritual e "expulsar demônios" desde os tempos bíblicos, e tem propriedade para afastar as energias negativas impregnadas no ambiente. Seu aroma ajuda a vencer medos e depressões, reduzindo o stress. Ajuda na limpeza espiritual do ambiente, favorecendo a prosperidade material e comercial, além de aumentar a criatividade, seja em trabalhos artísticos ou escritos. Purificação, proteção, devoção, bênçãos, purificador das forças negativas do mundo astral e mental; estimula a criatividade empresarial, desenvolve as capacidades intelectuais, aumenta a compreensão, desenvolve a intuição, ajuda na estabilidade emocional, para defesa de bruxaria e feitiços.

INSTRUÇÕES DE USO:
Acenda um carvão vegetal e jogue algumas resinas sobre a brasa. A resina irá derreter liberando sua fragrância no ar por vários minutos. Após este tempo, use o pegador para remover os resíduos da brasa e caso desejar, adicione mais resina.

O benjoim ou óleo de benjoim é nome dado à resina procedente da goma extraída da casca da árvore através de incisão, esta resina é depois misturada com álcool da própria madeira sendo usada como fixador de perfumes, até os dias de hoje.

O benjoim é empregado em vários produtos como incenso, tradicionalmente usado como defumador e o conhecido "Balsamo do monge", uma tintura indicada para problemas respiratórios. As sementes da árvore são usadas artesanalmente como contas de rosário.